One Piece: Como a Netflix pretende adaptar para live-action?

One Piece é um dos mangás e animes mais famosos e influentes de todos os tempos, contando a história de um grupo de piratas que busca o lendário tesouro escondido pelo Rei dos Piratas, Gol D. Roger. 

Você já imaginou como seria ver o Luffy e seus amigos em carne e osso? Pois é, essa é a proposta da nova série live-action de One Piece que será lançada pela Netflix. 

Com mais de 1000 capítulos publicados e mais de 900 episódios animados, One Piece é uma saga épica que conquistou milhões de fãs ao redor do mundo. Mas será que a Netflix conseguirá fazer jus à obra original? Neste artigo, vamos explorar tudo o que sabemos sobre a série live-action de One Piece, desde a sua produção até as expectativas dos fãs. Vamos nessa!

One Piece: A Jornada Até Agora

One Piece é uma obra que narra as aventuras de Monkey D. Luffy, um pirata, jovem, que sonha se tornar o Rei dentre os Piratas algum dia. Junto com sua tripulação, ele sonha em encontrar o “One Piece”, um tesouro lendário escondido por Gol D. Roger, o antigo Rei dos Piratas. 

Luffy possui uma habilidade especial que lhe permite esticar seu corpo como borracha, graças a ter comido uma fruta do diabo quando criança. Ele é o capitão dos Chapéus de Palha, uma tripulação formada por pessoas que compartilham seus ideais de liberdade e aventura. 

Entre eles estão Zoro, um espadachim que quer ser o melhor do mundo. Além dele, Nami, uma navegadora e ladra que quer desenhar um mapa do mundo. Usopp, um atirador e mentiroso que quer se tornar um grande guerreiro. 

Há também vários outros personagens como o Sanji, um cozinheiro e mulherengo que quer encontrar o mar dos sonhos, Chopper, um rena médico que quer curar todas as doenças  bem como Robin, uma arqueóloga e fugitiva que quer descobrir a verdadeira história do mundo. Enfim, ao longo dos anos, não faltaram personagens para integrar a história.

One Piece: qual é a trama?

A trama se passa em um mundo onde os oceanos são divididos em quatro partes: East Blue, West Blue, North Blue e South Blue. No centro desses oceanos está a Grand Line, uma faixa de água perigosa e imprevisível onde se encontram as ilhas mais estranhas e os piratas mais poderosos. 

Entretanto, é na Grand Line que está escondido o One Piece, segundo as últimas palavras de Roger antes de ser executado pelo Governo Mundial. Essas palavras deram início à Grande Era dos Piratas, uma época em que milhares de pessoas se lançaram ao mar em busca do tesouro e da glória.

Sendo assim, Luffy e seus amigos enfrentam diversos obstáculos e inimigos em sua jornada pela Grand Line, desde piratas rivais até organizações criminosas. Eles também se envolvem em conflitos políticos e sociais entre os diferentes reinos e raças que habitam o mundo. Além disso, eles têm que lidar com a perseguição constante da Marinha e dos agentes do Governo Mundial, que tentam impedir os piratas de alcançarem seus sonhos.

Por fim, One Piece é uma saga épica que mistura ação, comédia, drama e fantasia. Com mais de 1000 capítulos publicados e mais de 900 episódios animados, este é um dos mangás e animes mais famosos e influentes de todos os tempos. 

A Transição para Live-Action

One Piece é uma obra que já conquistou milhões de fãs com o seu mangá e anime, mas será que ela conseguirá repetir o sucesso em uma série live-action? 

Essa é a aposta da Netflix, que anunciou em janeiro de 2020 a produção de uma adaptação em carne e osso da história de Eiichiro Oda. A série contará com dez episódios na primeira temporada e tem previsão de estreia para 31 de agosto de 2023.

Mas como transformar um universo tão rico e fantástico em uma série live-action? Quais são os principais desafios dessa transição? Segundo os showrunners Steve Maeda e Matt Owens, a série pretende ser fiel à obra original, respeitando os personagens, as histórias e o humor de One Piece. 

Eles também contam com a supervisão do próprio Oda, que está envolvido no projeto como produtor executivo e consultor criativo.

No entanto, adaptar One Piece para live-action não é uma tarefa fácil. A série terá que lidar com diversos aspectos que podem ser um desafio para a produção, como:

  • O visual dos personagens: One Piece é conhecido por ter personagens com designs extravagantes, proporções exageradas e expressões caricatas. 
  • Os efeitos especiais: Além disso, é uma série que envolve muita ação, poderes sobrenaturais, criaturas fantásticas e cenários variados. 
  • A fidelidade à história: A obra em si é muito longa e complexa, com mais de 1000 capítulos no mangá e mais de 900 episódios no anime. 
  • A expectativa dos fãs: Por fim, One Piece é uma obra muito querida e aclamada pelos fãs, que têm altas expectativas em relação à série live-action. 

Trailer Oficial da Série One Piece

O que Esperar da Série da Netflix?

A série live-action de One Piece é um dos projetos mais aguardados pelos fãs de mangá e anime. A Netflix já revelou algumas informações sobre a produção, que promete ser uma adaptação fiel e respeitosa da obra de Eiichiro Oda. Mas o que podemos esperar da série da Netflix? Vejamos cinco pontos principais:

  • A data de estreia: Em primeiro lugar, a data de estreia. A previsão é para 31 de agosto de 2023, segundo a Netflix. A data foi anunciada durante o TUDUM 2023, evento anual da Netflix que contou com a presença do elenco e dos showrunners da série.
  • O elenco: Em segundo lugar, o elenco. Já estão confirmados os atores que interpretarão os cinco membros principais
  • Em terceiro lugar a equipe de produção. A série é produzida pela Netflix em parceria com a Tomorrow Studios, responsável por projetos como Cowboy Bebop e Queer Eye. 
  • Em quarto lugar, a fidelidade à história original. A série live-action de One Piece pretende ser fiel à história original escrita por Eiichiro Oda, respeitando os personagens, as histórias e o humor de One Piece. Segundo os showrunners, ela será uma adaptação literal da saga East Blue, que é o primeiro arco do mangá e do anime. No entanto, é provável que a série faça alguns cortes ou alterações para caber nos dez episódios da primeira temporada.
  • Por último, os arcos de história. Esta temporada terá dez episódios na primeira temporada e abordará a saga East Blue. 

Esticando as expectativas

One Piece é uma obra-prima que merece uma adaptação à altura. A live-action da Netflix promete ser uma versão fiel e respeitosa da história de Eiichiro Oda, contando com a participação do próprio autor como produtor executivo e consultor criativo. 

A obra terá dez episódios na primeira temporada e abordará a saga East Blue, que é o primeiro arco do mangá e do anime. A série contará com um elenco diverso e talentoso para interpretar os personagens icônicos de One Piece, como Luffy, Zoro, Nami, Usopp e Sanji. A série tem previsão de estreia para 31 de agosto de 2023 na Netflix.

Por fim, esperamos que a série live-action de One Piece consiga capturar a essência desta história incrível e nos surpreender com uma série que faça jus ao legado do mangá. E você, o que espera da série live-action de One Piece? Deixe o seu comentário abaixo e compartilhe este artigo com os seus amigos fãs de One Piece.

Damos valor à sua privacidade

Nós e os nossos parceiros armazenamos ou acedemos a informações dos dispositivos, tais como cookies, e processamos dados pessoais, tais como identificadores exclusivos e informações padrão enviadas pelos dispositivos, para as finalidades descritas abaixo. Poderá clicar para consentir o processamento por nossa parte e pela parte dos nossos parceiros para tais finalidades. Em alternativa, poderá clicar para recusar o consentimento, ou aceder a informações mais pormenorizadas e alterar as suas preferências antes de dar consentimento. As suas preferências serão aplicadas apenas a este website.

Cookies estritamente necessários

Estes cookies são necessários para que o website funcione e não podem ser desligados nos nossos sistemas. Normalmente, eles só são configurados em resposta a ações levadas a cabo por si e que correspondem a uma solicitação de serviços, tais como definir as suas preferências de privacidade, iniciar sessão ou preencher formulários. Pode configurar o seu navegador para bloquear ou alertá-lo(a) sobre esses cookies, mas algumas partes do website não funcionarão. Estes cookies não armazenam qualquer informação pessoal identificável.

Cookies de desempenho

Estes cookies permitem-nos contar visitas e fontes de tráfego, para que possamos medir e melhorar o desempenho do nosso website. Eles ajudam-nos a saber quais são as páginas mais e menos populares e a ver como os visitantes se movimentam pelo website. Todas as informações recolhidas por estes cookies são agregadas e, por conseguinte, anónimas. Se não permitir estes cookies, não saberemos quando visitou o nosso site.

Cookies de funcionalidade

Estes cookies permitem que o site forneça uma funcionalidade e personalização melhoradas. Podem ser estabelecidos por nós ou por fornecedores externos cujos serviços adicionámos às nossas páginas. Se não permitir estes cookies algumas destas funcionalidades, ou mesmo todas, podem não atuar corretamente.

Cookies de publicidade

Estes cookies podem ser estabelecidos através do nosso site pelos nossos parceiros de publicidade. Podem ser usados por essas empresas para construir um perfil sobre os seus interesses e mostrar-lhe anúncios relevantes em outros websites. Eles não armazenam diretamente informações pessoais, mas são baseados na identificação exclusiva do seu navegador e dispositivo de internet. Se não permitir estes cookies, terá menos publicidade direcionada.

Visite as nossas páginas de Políticas de privacidade e Termos e condições.

Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.